Íris realiza palestra sobre Linguagem Simples para profissionais do Inmetro

Falar sobre Linguagem Simples sob a perspectiva da democratização da informação foi o objetivo da palestra on-line realizada, na terça-feira (08), pelo Íris | Laboratório de Inovação e Dados do Governo do Ceará para profissionais do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

“Usar uma linguagem que a gente consiga entender é uma oportunidade de tornar a comunicação com o cidadão muito mais simples, uma oportunidade de facilitar o acesso a informações e serviços” foi o que destacou o presidente do Inmetro, Marcos Heleno Guerson, durante a abertura do evento, que contou com a presença de profissionais de vários setores do instituto.

A palestra conduzida pela coordenadora do Programa Linguagem Simples Ceará, Isabel Ferreira Lima, foi estruturada a partir de três pilares de atuação do Íris: inovar, transformar e inspirar. Sobre o primeiro, Isabel pontuou que o desafio, ao mesmo tempo uma oportunidade, é estabelecer uma nova cultura de linguagem, diante da complexidade dos padrões administrativos e jurídicos, para tornar as informações públicas mais acessíveis e inclusivas.

Para transformar, ela pontuou como imprescindível: “pensar em quem recebe a comunicação e em como essa pessoa recebe. É preciso, inclusive, trazer o cidadão para junto da construção das experiências e dos serviços, para que a transformação seja efetiva”, reforça. Para inspirar, Isabel apresentou alguns projetos de simplificação realizados pelo Íris, como o Aviso para Regularizar Dívida, da Procuradoria Geral do Estado do Ceará; e o Edital Ceará da Cidadania e Diversidade Cultural, em cooperação com a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e o apoio técnico da Associação Ceará Design.

Tainah Lopes, chefe da Divisão de Inovação Tecnológica do Inmetro, explicou que essa ação é parte de um movimento que começou no Inmetro com um grupo de 20 pessoas. “Agora, com a parceria do Íris, estamos estendendo a nossa atuação pelo movimento da Linguagem Simples”, reforça.