Íris realiza reunião com a Procuradoria Geral do Estado de São Paulo para estruturar aprendizados da parceria

A melhoria contínua é parte do processo de trabalho do Íris | Laboratório de Inovação e Dados do Governo do Ceará. Com foco nesse objetivo, foi realizada coleta, discussão e sistematização dos aprendizados da parceria com a Procuradoria Geral do Estado de São Paulo (PGE-SP), em reunião de avaliação do projeto na última segunda-feira (17/01). O encontro virtual também encerrou a primeira etapa do projeto com o órgão, que teve como foco compartilhar expertises de Linguagem Simples e Direito Visual.

Conforme relata a gestora de projetos do Íris, Cristina Cunha, esse momento é de análise da jornada do projeto. “Iniciamos com um breve histórico sobre a parceria, relembrando o cronograma e as atividades realizadas. Em seguida, o grupo que participou do projeto respondeu aos questionamentos de avaliação do nosso processo, que nos conduzem na construção de nossas próximas entregas”, enfatizou Cristina.

A parceria teve início em agosto de 2021, firmada com um acordo de cooperação com aplicação de Direito Visual e Linguagem Simples. Entre as atividades realizadas durante a parceria, aconteceram encontros de sensibilização e oficinas de capacitação em Direito Visual e Linguagem Simples. Além disso, ocorreram mentorias para a simplificação e aplicação de técnicas que tornam a comunicação cidadã mais acessível e inclusiva. Entre os materiais simplificados pela PGE-SP, com mentoria do Íris, está o Manual de Condutas Proibidas pela Legislação Eleitoral, que posteriormente será publicado pela Procuradoria.

O Procurador do Estado de São Paulo, Rafael Fassio, participou do encontro de discussão dos resultados e das atividades do projeto. Ele destacou como bons pontos da parceria: a percepção coletiva da necessidade de simplificar a linguagem; o respeito aos prazos e cronogramas e a variedade de documentos utilizados para difundir a atividade no órgão. Rafael acrescentou, ainda, como pontos de melhoria e sugestões da abordagem, aumentar o tempo para mentorias, interações e parecer das atividades. E, ainda, aliar as oficinas de capacitação teórica à aplicação de ferramentas práticas.

Para Rafael, esse momento foi essencial para todo o projeto. “Os pontos de sucesso e os eventuais erros ajudam muito a identificar oportunidades de melhorias para as duas organizações envolvidas”, destaca.

Linguagem Simples e Direito Visual

A Linguagem Simples é uma causa social e técnica que, através da linguagem, torna a comunicação mais acessível, inclusiva e fácil de ler e entender. O Direito Visual é uma forma de facilitar a comunicação jurídica através de textos mais simples e de uso de recursos visuais.

Sobre o Íris

O Íris | Laboratório de Inovação e Dados do Governo do Ceará é responsável por disseminar uma nova cultura de inovação no Estado centrada e conduzida no cidadão, de forma inclusiva e acessível, sempre em busca de desenvolver melhores serviços e políticas públicas. Como espaço de cocriação e teste de novas ideias, atua nos eixos Cultura de Inovação, Dados e Tecnologia.